• PDF
  • Imprimir

Procuradores do Rio querem mais condições para exercer o cargo

  • Seg, 24 de Setembro de 2012 19:37
  • A candidata à Prefeitura do Rio pelo Partido Verde, Aspásia Camargo, esteve reunida com a Associação dos Procuradores do Município na manhã desta segunda-feira, 24 de setembro. Na pauta, as reivindicações da categoria ao novo prefeito e a apresentação de seu Programa de Governo.

    procura

    A principal insatisfação dos procuradores é a insuficiência do quadro de assessores. “Somos 100 procuradores e 400 funcionários, sendo que apenas metade nos auxilia diretamente. Além desse quantitativo não ser suficiente, seus salários estão defasados”, disse a vice-presidente da associação, Ana Paula Buonomo Machado. A classe também pleiteia um adicional de qualificação para os profissionais que lhes dão suporte, por exemplo, em pesquisa.

    Aspásia acredita que o prefeito deve ir além do benefício e investir em quadros técnicos qualificados. “É necessário um corpo de funcionários só para desenvolvimento de pesquisa”, recomendou a candidata verde. A Procuradoria do Município já conta, por exemplo, com a criação do cargo de Analista, mas a prefeitura nunca realizou concurso para preencher as vagas.

    Procuradores do Rio querem mais condições para exercer o cargo