• PDF
  • Imprimir

São os verdes do mundo!

  • Sex, 15 de Junho de 2012 11:42
  • Global Greens traz parlamentares e ambientalistas para evento na Alerj nesta segunda.


    Verdes de mais de 30 países estarão reunidos dia 18 de junho (segunda-feira), no Rio de Janeiro, debatendo a transição em direção à uma economia verde, aprimorando e avançando nas resoluções aprovadas durante o III Global Greens, ocorrido este ano em Dakar/Senegal, para serem apresentadas oficialmente durante a Rio+20. O mega evento será realizado na Alerj – Palácio Tiradentes, a partir das 10 horas. Às 14 horas será realizada uma coletiva de imprensa.

    Capitaneado pela Deputada Estadual Aspásia Camargo (PV-RJ), o evento contará com a presença de Eva Joly, (eurodeputada que foi candidata presidencial do Partido Verde francês nas últimas eleições), Heidi Hautala (finlandesa que ocupa o cargo de Ministra para o Desenvolvimento Internacional), Larissa Water (Senadora da Austrália) e dos eurodeputados Bas Eickhout (Holanda), Sandrine Bèlier (França) e Isabella Lövin (Suécia), além de parlamentares da Áustria e Nova Zelândia e representantes dos verdes da África, América Latina e Ásia.

    Quarenta anos depois do surgimento do primeiro "partido verde" no mundo e, ao contrário de pessimistas previsões feitas por analistas políticos, que apontavam para "fim do ecologismo" na última década, os Partidos Verdes são cada vez mais relevantes nos debates políticos da atualidade. Organizados em mais de 80 países e ocupando cada vez mais espaços de poder, longe de se transformarem em meros coadjuvantes no "bonde da História", os "Verdes" se apresentam como protagonistas em diversos temas de interesse mundial.

A realização da Rio +20 representa a oportunidade de negociar uma abordagem integrada e efetiva do desenvolvimento sustentável através dos três pilares: ambiental, econômico e social e uma grande oportunidade para reafirmar a visão sistêmica do desenvolvimento sustentável, exigindo uma mudança radical do sistema atual. Definir saídas para a atual crise financeira a partir da Economia Verde, exige ação imediata na proteção dos ecossistemas, com eficiência e sustentabilidade dos recursos e proteção do capital natural, ao mesmo tempo em que se garanta a promoção da produção e do consumo sustentável.

     

    Veja as resoluções tiradas pelos Verdes especialmente para a Rio+20

    São os verdes do mundo!