• PDF
  • Imprimir

Vitória para sáude e para o meio ambiente contra o mercúrio

  • Sex, 21 de Novembro de 2014 14:37
  • destaque-aspasia-mercurio-lei-2014

    Foi aprovado, em discussão única, na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro, na última quarta-feira (19/11), o projeto de Lei 2461/13, de autoria de Aspásia Camargo, que proíbe o uso de amálgama dentária composto por mercúrio.

    O Amálgama é um material restaurador utilizado na odontologia. É feito de uma liga metálica de mercúrio, prata e estanho e usado na restauração de dentes.

     

    Sintomas comuns causados pelo amálgama:

    • Dores musculares e nas articulações
    • Esgotamento, fadiga
    • Tontura, vertigem
    • Dores de cabeça, enxaqueca
    • Distúrbios gastrointestinais
    • Visão desfocada
    • Visão dupla
    • Pressão nos olhos
    • Boca inflamada, ardor
    • Alterações cardíacas
    • Alterações de memória
    • Dificuldades respiratórias
    • Zumbido
    • Depressão
    • Tendências suicidas
    • Dificuldades de concentração
    • Eczema
    • Dores
    • Garganta inflamada
    • Inquietação
    • Nervosismo
    • Insônia
    • Ansiedade
    • Sabor metálico
    • Tremor
    • Cãimbra
    • Infeções intestinais
    • Timidez
    • Irritabilidade
    • Dores de dentes e maxilares
    • Músculos fracos
    • Alergias
    • Asma
    • Distúrbios renais
    • Coordenação debilitada dos olhos e músculos
    • Entorpecimento
    • Náuseas
    • Sensação de formigamento da pele
    • Flutuação da pressão sangüínea
    • Sensação de calor
    • Sensação de ardor
    • Dor aguda
    • Ataques de calafrios
    • Sinusite
    • Transpiração excessiva
    • Salivação excessiva/Boca seca
    • Perda de peso
    • Glândulas linfáticas inchadas, sensíveis
    • Distúrbios menstruais
    • Perda de cabelos
    • Febre crônica/temperatura instável
    • Distúrbios dos sentidos do paladar e olfato
    • Distúrbios da tireóide

    Joyce Rocha, dentista, acompanhou pessoalmente a votação na Alerj. "Diversos profissionais estão contaminados. Precisamos de um apoio mais forte, principalmente, da legislação. Essa Lei é uma segurança para os profissionais e para a saúde". Disse Joyce.

    São quarenta anos de luta contra os malefícios do mercúrio. O Rio de Janeiro já pode comemorar, é o primeiro estado a condenar e proibir o uso indevido desta substância. Vitória também para o meio ambiente e para saúde.

    O projeto segue para análise do governador Luiz Fernando Pezão, que terá 15 dias úteis para sancionar ou vetar o texto.

    Leia mais sobre o projeto de Lei 2461/13 de Aspásia Camargo: http://www.aspasiacamargo.com.br/v2013/arquivos/arquivos/atuacao_parlamentar/Projeto_de_Lei_2461-13.pdf

    Vitória para sáude e para o meio ambiente contra o mercúrio